O que é o capital de giro?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O capital de giro nada mais é que o recurso disponível para uma empresa aplicar, estando diretamente ligado a suas principais atividades — isso quer dizer que ele não está associado, por exemplo, à compra de maquinário ou de móveis para a estruturação física do negócio. Mas por incrível que pareça, é bastante comum que alguns gestores não deem a verdadeira importância que essa verba merece, principalmente na área de prestação de serviços, que não trabalha com estoques. Melhor evitar esse erro, não concorda? Então confira nossa postagem de hoje, pois explicaremos direitinho o que é capital de giro e qual a sua importância para uma empresa. Vamos lá?

O que é capital de giro?

Para manter as atividades operacionais a pleno vapor, uma empresa precisa constantemente de recursos à sua disposição, certo? Pois exatamente esses recursos são chamados de capital de giro. E a nomenclatura aqui não é gratuita: capital de giro é um termo que possui ligação com sua função, uma vez que esse dinheiro é usado para a rotação das próprias atividades já desenvolvidas no negócio.

Qual a importância do capital de giro?

Em organizações comerciais — varejistas ou atacadistas —, o capital de giro serve para agilizar a aquisição de estoques e o pagamento de despesas do cotidiano empresarial. Já nos negócios prestadores de serviços, o capital de giro sustenta a razão de ser da companhia, que é a prestação de serviço em si.

É comum se dizer que o capital de giro é o coração da atividade operacional de uma empresa, seja ela fabril, comercial ou prestadora de serviços. Sua importância é tão grande que os próprios bancos oferecem linhas específicas de crédito para aquisição de capital de giro. Mas já vale adiantar que, para evitar altos níveis de endividamento, é importante realizar o gerenciamento efetivo desse recurso.

Como gerenciar o capital de giro?

Como o capital de giro é ligado às contas a receber e a pagar, se o negócio, para aumentar suas vendas, estende os prazos para recebimento sem mudar os prazos para pagamento, afetará seu capital de giro em pouco tempo. Nesse caso, as contas a receber se elevarão e as contas a pagar vencerão. O resultado será uma maior necessidade de capital de giro e, consequentemente, de crédito.

Assim, uma alternativa — mas não necessariamente a mais viável — é a antecipação de recebíveis. Essa solução pode funcionar a curto prazo, trazendo dinheiro para o negócio, mas ao mesmo tempo comprometendo o capital de giro, pois essa alternativa cria uma dívida com juros bancários.

Então guarde que o gerenciamento correto do capital de giro deve ser iniciado com a adequada gestão dos prazos a pagar e a receber ligados à atividade principal da empresa. Isso sem contar que também devem ser buscadas alternativas produtivas ou operacionais, tais como reduções de consumo de matéria-prima ou de gastos com manutenção de veículos.

Por que não se deve negligenciar o capital de giro?

É muito comum que problemas financeiros sejam relacionados apenas às vendas — porque elas diminuíram ou porque não crescem da maneira esperada pelos gestores —, entretanto, o capital de giro é mais do que uma simples queda ou estagnação das vendas, ele está ligado ao fluxo geral de recursos financeiros da empresa.

Se o dinheiro para de circular, ela não terá como pagar fornecedores, funcionários, adquirir insumos para os produtos ou para a prestação de serviços e, ainda no curto prazo, poderá enfrentar sérios problemas de ordem financeira.

Agora que você já sabe o que é capital de giro e como ele é importante para seu empreendimento, conte para nós: o que você tem feito para gerenciar esse recurso na sua empresa? Deixe seu comentário! E não deixe de assinar nossa newsletter para receber todas as nossas novidades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter

Cadastre-se e receba

A DECISIVA ASSESSORIA E CONSULTORIA CONTÁBIL
ajuda a subir os outros degraus da escada para o sucesso! Inscreva-se na nossa newsletter e receba o conteúdo exclusivo que separamos para você!
Recomendado só para você!
A rotina do profissional de Contabilidade exige um conhecimento aprofundado…